DISCOTHEQUE

Após um longo período de pesquisa envolvendo o tema terreiros, como espaços passíveis e possíveis de relações, Discotheque culmina como outra etapa de pesquisa do coreógrafo, na busca de relações envolvendo encontros fortuitos, uma obra que se estabeleça na horizontalidade da experiência entre artistas e espectadores.

Discotheque é uma experiência artística que nega uma forma posta a priori e elege o espectador como autor complementar e indispensável para a inauguração de formações fugazes. Uma obra que se constrói no instante de cada tempo-espaço com os participantes

Programa Artista Residente UNICAMP.



Luis Ferron
Visitante n.º 0014666 | Copyright © 2020